A Cicloficina

Existe em Lisboa, não muito longe do Martim Moniz, um local onde se firmou um projeto, iniciado em 2007, que permite arranjar bicicletas sem ter de se pagar por isso. Este espaço era conhecido como a Cicloficina dos Anjos e funcionava numa pequena rua, neste bairro de Lisboa.
A ideia era proporcionar a qualquer pessoa um dia por semana em que mecânicos especializados cediam algumas horas do seu dia para ajudar a consertar as bicicletas dos utilizadores. E isto incluía mão de obra e algumas peças! O projeto foi muito bem recebido pelo crescente número de utilizadores de bicicletas da capital, e o seu valor reconhecido por várias instâncias.
A Cicloficina dos Anjos chegou mesmo a receber, em 2014, um prémio da Comissão Europeia, como reconhecimento pelo trabalho e serviço prestados à comunidade.

Linda-a-VelhaEmbora este espaço de encontre atualmente desativado, a Cicloficina não acabou, tendo-se expandido para locais tão variados como Linda-a-Velha e Guimarães. As Cicloficinas promovem o uso da bicicleta no dia a dia e incentivam a sua frequência.
É suposto o utilizador estar presente e participar ativamente no processo de recuperação da bicicleta, o que incentiva a sua autonomia enquanto ciclista, transmitindo-lhe instrumentos e conhecimentos para saber lidar com as ocorrências mais frequentes, como furos, afinações e os ajustes frequentemente necessários.

Uma outra vantagem das Cicloficinas é que permitem que possa adquirir-se uma bicicleta a necessitar de reparações. O seu preço será com certeza inferior ao de uma bicicleta em bom estado, podendo assim alguém com mais reduzidos meios económicos ter uma bicicleta que porá em condições de funcionar com uma ou duas visitas a uma Cicloficina.

Embora uma pequena contribuição possa ser pedida, no caso de ser necessário algum tipo específico de peça, os serviços são gratuitos e, como a Cicloficina vive de donativos, estas até podem estar disponíveis no momento. Se tiver uma bicicleta ou peças de que não necessita mais, pode sempre doá-las à Cicloficina mais próxima de si.